Baiano Isaquias Queiroz conquista medalha de prata na canoagem

36

Simbolo Olímpico 02Com o tempo de 3min58seg529, o brasileiro Isaquias Queiroz conquistou hoje (16) a medalha de prata na canoagem de velocidade dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

O atleta ficou atrás do alemão Sebastian Brendel, que fechou a prova com o tempo de 3min56seg926. O bronze ficou com o canoista da República da Moldova, Serghei Tarnovschi, com 4min00seg852.

Isaquias Queiroz, de 22 anos, chegou a liderar a prova, mas perdeu força no final, oportunidade bem aproveitada pelo adversário alemão. Desde as primeiras baterias, Sebastian Brendel já era cotado como um dos principais rivais do brasileiro na disputa por medalhas.

Ubaitaba

Nascido na cidade de Ubaitaba, a 450km ao sul de Salvador, Isaquias  tem a canoa como a companheira desde a infância. O nome Ubaitaba, por sinal, é a fusão de três vocábulos indígenas que significam “cidade das canoas”. A carreira e a própria vida do atleta, no entanto, correram risco quando ele caiu de uma árvore e teve que retirar um dos rins.

Apesar do susto, Isaías de Queiroz se recuperou bem do problema e atualmente não tem nenhuma restrição na prática do esporte, precisa apenas de uma hidratação maior do que a dos outros competidores.

Isaías conquistou a primeira medalha de ouro do Pan-2015 na categoria C1 1.000m ao superar o experiente canadense Mark Oldershaw, bronze na Olimpíada de 2012. Ele também levou a prata no C2 1.000m, ao lado de Erlon Silva conquistou mais um ouro no canal de Welland, no C1 200m.

O brasileiro já conquistou quatro medalhas no principal campeonato da modalidade, sendo duas de ouro na categoria C1 500m (em Duisburg-2013 e Moscou-2014), uma de bronze no C1 1.000m (2013) e outra de bronze no C1 200m (2014).

COMPARTILHAR