Brasileiro: Vitória soma mais um ponto fora de casa

52

O Grêmio pressionou, mas não saiu do empate contra o Vitória, por 1 a 1, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado acabou sendo bom para o Corinthians, que viu a diferença para o vice-líder aumentar.

De olho na final da Libertadores, o Grêmio está em segundo lugar, com 58 pontos, dez atrás do time paulistano. O Santos, que enfrenta a Chapecoense nesta segunda-feira, pode ultrapassar a equipe gaúcha em caso de vitória e deixar a vantagem corintiana em nove pontos.

Na luta contra o rebaixamento, o Vitória conseguiu abrir vantagem em cima do Sport, chegando aos 39 pontos e abrindo três dos pernambucanos, que fecham a zona de rebaixamento.

Ambos fora

O jogo aconteceu na Serra Gaúcha, pois a Arena do Grêmio recebeu o show de uma banda inglesa no sábado. Apesar de estar longe da verdadeira casa, o Grêmio tentou assumir o controle da partida, mas encontrou do outro lado uma equipe ligada, marcando forte e chegando ao campo de ataque.

Numa pequena blitz, o Vitória encurralou o rival e conseguiu fazer o adversário se complicar na defesa. Aos 14 minutos, Paulo Victor precisou trabalhar em finalização de David. No lance seguinte, os baianos abriram o placar com Patric. Depois de boa trama, Fellipe Soutto encontrou o lateral livre dentro da área e ele não desperdiçou.

A vantagem do Vitória não durou muito, pois na primeira chegada ao ataque depois do gol o Grêmio conseguiu empatar. Leonardo foi até a linha de fundo e cruzou. Fernandinho, que fazia a 100ª partida com a camisa do Grêmio, antecipou ao marcador e desviou de cabeça para as redes, aos 18 minutos.

Na raça

A partida seguiu animada, com os dois times trocando bons ataques e perdendo boas oportunidades de marcar. Pelo lado dos visitantes, Neílton teve a chance mais clara ao pegar sobra dentro da pequena área e finalizar pra fora. Antes do intervalo, após dar um chapéu no marcador, Luan arriscou de fora da área e obrigou Fernando Miguel a fazer boa defesa.

As equipes voltaram do intervalo dispostas a manter o ritmo. Logo no início, Vitória e Grêmio trocaram ataques perigosos em finalização por cima de Tréllez e cabeçada perigosa de Fernandinho. Os baianos, no entanto, foram obrigados a mudar a postura depois que Felipe Soutto recebeu o segundo amarelo e foi expulso.

Os gaúchos foram para cima e criaram boas oportunidades. Barrios e Leonardo exigiram boa defesa do goleiro Fernando Miguel. Renato Gaúcho colocou os atacantes Jael e Everton e deixou o Grêmio ainda mais ofensivo. Apesar do grande número de jogadores de frente, o Grêmio não aproveitou a superioridade numérica e o empate prevaleceu até o final.

Próximos jogos

O Grêmio volta a campo contra o São Paulo, na próxima quarta-feira, às 19h30, na Arena, em Porto Alegre. Na quinta-feira, o Vitória enfrenta a Chapecoense, às 20h, em Chapecó, SC.

COMPARTILHAR