Candeias: Caminhada pela Paz atingiu objetivo, segundo a organização

26

033A ação, iniciativa de jovens candeenses preocupados com os altos índices e os números da violência, que afetam principalmente adolescentes e jovens na cidade, foi realizada no domingo e contou com a participação de variados segmentos da sociedade, inclusive os atuais pré-candidatos a prefeito na próxima eleição, em outubro.

Apesar de não haver nenhuma conotação político-partidária expressa claramente pelo grupo que idealizou a “Caminhada pela Paz”, não houve protestos pela presença dos vereadores Dr. Pitagoras, do PP, e Marivalda Silva, do PT, e da ex-prefeita Tonha Magalhães, do DEM, que hoje se apresentam como postulantes à cadeira do Palácio Ouro Negro para administrar Candeias a partir de 1° de janeiro de 2017.

A inciativa foi dos candeenses Bianca Abade, Carlos Henrique, Emerson Nino, Nanda Pita, Patrícia Bonfim e Thiago Reis, todos dispostos a ver uma cidade mais tranquila para se morar, estudar e trabalhar.

A concentração ocorreu, a partir das 14h, na Praça Irmã Dulce, e reuniu dezenas de pessoas de várias idades e setores sociais manifestando preocupação com os assassinatos, principalmente em razão do tráfico de drogas, o excessivo número de passou pela Avenida Antônio Paterson, Ruas 21 de Abril e 13 de Maio indo até a Praça Dr. Gualberto.

015No encerramento, os participantes se confraternizaram com “abraço pedindo paz”.

Pela repercussão no mesmo local onde a ideia começou – as redes sociais, principalmente o Whatsapp –, uma nova ação deve ser realizada com maior amplitude, segundo os idealizadores e realizadores.

Um maior apoio da própria sociedade como um todo foi a nota que pode ser não considerada positiva.

COMPARTILHAR