Candeias: Cansados de esperar pelo prefeito moradores constroem caixa de lixo

9

A promessa foi feita na campanha de 2012 quando o Sargento Francisco buscava a reeleição, o que acabou conseguindo, repetida em mensagens de abertura do ano legislativo na Câmara Municipal de Candeias, mas sequer um paralelepípedo ou meio-fio foi colocado na Avenida Wanderley de Araújo Pinho, que começa no Triângulo e termina no também abandonado estádio Davi Caldeira, no Sarandi.

IMG-20160718-WA0013A avenida, uma das maiores senão a maior da cidade, vive um completo descaso na atual gestão, e de outros que passaram no Palácio do Ouro Negro, por não ser sequer urbanizada, não tem rede de esgoto adequado e é de barro batido do começo ao fim dos aproximadamente 3 km de extensão. Os transtornos acontecem tanto no sol – poeira insuportável – e na chuva – lama que infelicitam as donas de casa.

Cansados, e tendo a certeza de que o alcaide Francisco não vai cumprir essa promessa, como outras que fez em 2012 e agora faz de novo porque é ano de eleição embora não possa ser candidato, tentaram minimizar os transtornos construindo no fim de semana passado um caixa de lixo.

Chico 06No início deste ano na Câmara, por exemplo, o sargento Francisco informou que já havia uma emenda parlamentar do deputado federal, Cláudio Cajado, que destinaria R$ 8,5 milhões para urbanização da Avenida Wanderley de Araújo Pinho.

Ainda na mensagem de 2016, o prefeito prometeu retomada das obras das casas da Vila Benedito, no Sarandi, pavimentação da “Estrada da Vergonha”, o acesso ao Paço Municipal, e de varias ruas nos distritos de Menino de Jesus e Passagem dos Teixeiras, e de bairros como Malembá, Urbis I e Ouro Negro, além da requalificação da Praça do Malembá.

COMPARTILHAR