Candeias: Prefeito Bom Jorge reconduz presidente do CMDCA

25

O prefeito em exercício de Candeias, Luiz Tavares Bordoni, Bom Jorge, do PSD, reconduziu ao cargo de presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), a educadora Cláudia Pimentel, afastada pelo então prefeito Sargento Francisco a pedido da ex-secretária de Ação e Desenvolvimnento Social, Neide Silva, mulher do alcaide, juntamente com a subsecretária Janemárcia Nunes.

Hoje, Francisco, Neide e Janemárica vivem, por razões muito diferentes, a mesma situação de quem é destituído abruptamente do cargo.

Os fatos

Chico x NeideNo início de dezembro de 2015, em decreto publicado no DOEM, o prefeito afastado cancelou a eleição praticamente seis meses depois da realização sob a alegação estapafúrdia de que teria havido descumprimento de ritos no pleito por parte de associações que integram o colégio eleitoral. Nada ficou provado.

O Ministério Público em Candeias tentou contemporizar e fez reuniões com as intransigentes secretária, Neide Silva, e subsecretária, Janemárcia Nunes, que trabalhava não pela população de baixa renda, mas para se eleger vereadora. Ainda assim nada foi feito e a presidente eleita sem razões jurídicas lógicas.

O Diário Oficial do Município de 09/08 já publicou a nomeação dos integrantes do CMDCA, anulando a decisão do Sargento.

Exemplo de descaso

Janemarcia x NeideA Sedas, no período das duas como “gestoras”, parou quase todos os projetos sociais, recursos foram devolvidos ao Governo Federal e houve “um verdadeiros caos para que precisa”.

Cláudia Pimentel foi “defenestrada” pelo Sargento, a mulher e a pupila, que hoje pode ter o nome homologado como candidata a vereadora no grupo da então maior opositora, porque cobrou várias vezes a verba federal para manutenção do Conselho e andamento dos projetos, que praticamente nunca foram repassados ao CMDCA. Isso incomodou a todos que trabalhavam claramente pensando na eleição deste. Mas a CGU, a Polícia e a Justiça Federal puseram fim à farra com o afastamento de Francisco no dia 19 de julho.

De cara nova, a Sedas que tem agora como titular, Joelma Aneide, e com o apoio do prefeito Luiz Tavares Bordoni, Bom Jorge, deve incrementar projetos que ajudem as pessoas de baixa renda, especialmente os do Bolsa Família.

COMPARTILHAR