Copa do Brasil: Vitória precisa ganhar na quinta para seguir

91
Foto: Assessoria EC Vitória

Depois do empate amargo com o ABC-RN, por 3 a 3, pela Copa do Nordeste, no domingo, os atletas rubro-negros se reapresentaram ontem (12), iniciando a preparação para encarar o Bragantino, próxima quinta-feira (15), decidindo a classificação para a terceira fase da Copa do Brasil. Como perdeu por 1 a 0, o bicampeão baiano precisa ganhar por 2 gols para passar direto ou por 1 para decidir nos pênaltis.

Para a realização das atividades, os jogadores foram divididos em grupos. Aqueles que iniciaram o jogo passado foram conduzidos ao vestiário pelo preparador físico Lucas Itaberaba, que coordenou o regenerativo passivo.

Os demais, inicialmente, participaram do aquecimento ministrado pelo professor Lucas Penha, assistente da preparação física. Em dois quadrados, foi aplicado um trabalho de posse de bola com transição ofensiva. Na etapa seguinte e última, Mancini comandou um coletivo de 10 contra 10, em campo reduzido. O atacante Jonatas Belusso foi liberado para correr em torno dos campos, após tratamento do desconforto na parte posterior da coxa.

No  jogo, o Vitória não contará com o volante Uillian Correia e o meia Yago, que foram expulsos no jogo de ida.

Escalado para a entrevista coletiva, o lateral-esquerdo Juninho, que voltou a atuar no último domingo (11), falou sobre a sequência de jogos decisivos do Leão e em três competições diferente: Copa do Brasil, Baiano e Copa do Nordeste. “O jogador tem que gostar de jogar, de estar dentro de campo e conquistar as vitórias. A gente vem focado em conquistar todos os objetivos. A sequência é realmente cansativa, tanto física como mentalmente, mas a gente tem que estar preparado para tudo”, disse o lateral.

Os jogadores voltarão a treinar nesta terça-feira (13), às 15h, no CT Manoel Pontes Tanajura.

COMPARTILHAR