Copa do Mundo de muitos pênaltis e poucos gols

79

Foram marcados 36 gols na primeira rodada, média de 2,25 por jogo

A primeira rodada da Copa da Rússia 2018, encerrada nesta terça-feira (19) com o jogo Senegal 2 x 1 Polônia, só ganha em número de gols para a mesma fase da Copa de 2010, quando se leva em conta as últimas seis disputas, que formam a era das copas com 32 seleções participantes.

Até agora, na Rússia, foram 36 gols, média de 2,25 por jogo, contra 25 marcados em 2010, média de 1,56. A primeira rodada, sempre com 16 jogos, marca a estreia de todas as seleções. O recorde de gols é da Copa de 2014, no Brasil, com 47 gols, média de 2,93 por partida.

Uma copa do mundo com 32 seleções na fase final foi disputada pela primeira vez em 1998, na França. Em 2018, a disputa se realiza neste formato pela sexta vez.

Em cinco copas da era de 32 seleções, a maioria dos gols ocorreu no segundo tempo dos jogos. A exceção é da Copa de 2010, com 16 gols no primeiro tempo e 9 no segundo.

Já 2018 bateu o recorde de gols na cobrança das penalidades máximas. Foram 7 contra 6 de 2014.

Em gols contra as próprias redes, a atual copa se igualou à primeira, em 1998. Foram 4 gols marcados contra.

O maior público foi o da primeira rodada da Copa de 2006, na Alemanha, com 829.439 pessoas.

O total de público na primeira rodada de 2018 foi de 742.750 pessoas, sendo maior apenas que o público das copas de 1998, na França, e 2002 na Coréia do Sul e Japão.

Veja os números de 1998 a 2018 na rodada de abertura das Copas:

COMPARTILHAR