Gabriel Jesus brilha na estreia de Tite

29

Brasil x Equador 02A estreia de Tite pela seleção brasileira foi a melhor possível. Contra o Equador, um das seleções que lideravam as Eliminatórias, em Quito, a equipe verde e amarela foi superior e venceu a seleção da casa por 3 a 0, gols marcados por Neymar e Gabriel Jesus (dois). O jogo foi equilibrado, mas o Brasil foi ligeiramente superior ao Equador.

O resultado quebrou um jejum de 33 anos sem vitória do Brasil contra o Equador, fora de casa. A Seleção volta aos gramados na próxima terça-feira contra a Colômbia, outra seleção que está na frente do Brasil, na Arena Amazônia, às 21h45. Hoje, em 5° lugar, o Brasil disputaria a repescagem.

O jogo

Brasil x Equador 01Mesmo atuando fora de casa, o Brasil começou melhor. A primeira oportunidade aconteceu aos três minutos. Neymar tocou para Gabriel Jesus que chutou para defesa de Domínguez. Dois minutos depois, foi a vez de Willian assustar em finalização de fora da área, que foi para fora.

O Brasil era melhor e arriscava de longe. Gabriel Jesus levou perigo ao goleiro Domínguez ao chutar de fora da área aos 15 minutos. A primeira chance dos donos da casa aconteceu aos 34 minutos. Noboa recebeu na entrada da área, bateu e Alisson fez grande defesa.

Final

O segundo tempo começou mais equilibrado. O Brasil só começou a deslanchar quando Philippe Coutinho entrou na vaga de Willian. A equipe verde e amarela voltou a dominar a partida. Aos 19 minutos, Neymar fez bela jogada e cruzou para Marcelo, que finalizou forte, e a bola foi para fora.

Brasil x EquadorAos 24 minutos, Gabriel Jesus ganhou de Mena, invadiu a área e foi derrubado pelo goleiro Domínguez, pênalti. Na cobrança, Neymar bateu firme e abriu o placar para a seleção brasileira.

As coisas ficaram mais complicadas para o Equador aos 30 minutos. Paredes recebeu o segundo cartão amarelo em entrada dura sobre Renato Augusto. Com um a mais, o Brasil seguia melhor e quase ampliou aos 37 minutos com Coutinho. O meia passou por dois rivais e finalizou para boa defesa de Domínguez.

Ainda havia tempo para mais dois gols. O primeiro em uma bela jogada. Marcelo, Neymar e Coutinho fizeram uma tabelinha e a bola foi servida para Gabriel Jesus, que de letra, fechou o placar para a equipe verde e amarela.

Depois já nos acréscimos, Gabriel Jesus recebeu de Neymar, se livrou da marcação e finalizou sem chances de defesa para Domínguez, fechando o placar para o Brasil.

COMPARTILHAR