Juiz decide manter preso ex-integrante do Karametade

188

Magistrado determinou, no entanto, a expedição de alvarás de soltura para outros dois acusados

O juiz do 3º Tribunal do Júri, Alexandre Abrahão Teixeira, decidiu, agora há pouco em audiência, manter a prisão do cantor Valterson Ferreira Cantuária, o Toddy Cantuária, ex-integrante do grupo de pagode Karametade. Ele está envolvido no assassinato do turista argentino Matías Sebastian Carena, de 28 anos, em março, na saída de uma boate em Ipanema.

O magistrado alegou que ‘como se vê, este acusado está em outro país, não tem qualquer compromisso com o juízo e a sociedade carioca, demonstrando ativa capacidade fugitiva’, afirmou o juiz. O cantor foi preso em Paris, na França, em agosto.

O juiz determinou, no entanto, a expedição de alvarás de soltura para outros dois acusados, Pedro Henrique Marciano e Tiago Noraes Lessa Silva. Júlio César de Oliveira Godinho já estava solto.

COMPARTILHAR