Baiano: Vitória vence e mantém liderança

795
Fotos: Maurícia da Matta / EC Vitória

Para os jogadores rubro-negros foi difícil entrar em campo depois da morte do companheiro Wallace, goleiro formado no Vitória, no último sábado (27) em acidente automobilístico na Rodovia dos Bandeirantes, no interior de São Paulo. Visivelmente emocionados, os jogadores rubro-negros subiram a escada de acesso ao gramado do Estádio Roberto Santos com faixa em homenagem ao atleta de 22 anos. As camisas usadas pelos jogadores tinham o nome de Wallace grafado.

A torcida rubro-negra também cantou alto em reverência ao jovem jogador, promessa do Leão. O ambiente era de comoção.

Mas depois do apito inicial do árbitro, se viu um Vitória focado em dedicar o triunfo a Wallace Ribeiro Barato. E a missão foi cumprida. Logo aos 6 minutos, no entanto, o Atlântico abriu o placar em batida de fora da área de Jones Chulapa: 1 a 0 Atlântico.

Aos 20 minutos, Denílson aproveitou cruzamento de Bryan da esquerda, dominou e tocou no canto direito do goleiro Ferrari. A bola ainda desviou e entrou de mansinho. Foi o primeiro gol oficial do camisa 95 pelo Leão: 1 a 1.

O primeiro tempo foi bastante movimentado e várias chances surgiram. Aos 22, bela jogada de Neílton e finalização de Juninho para ótima defesa de Ferrari.

Aos 25, um golaço de Yago para explodir a galera rubro-negra. O camisa 77 recebeu bola perfeita de Lucas em tabela envolvente na entrada da área e bateu com categoria: 2 a 1 Leão.

A partida seguiu movimentada e o Atlântico quase empatou aos 28. Vicente tentou cruzar, a bola fez uma curva incrível e acertou a trave de Fernando Miguel.

Antes do fim da primeira etapa, Neílton, aos 39, recebeu ótimo passe de Denílson e bateu cruzado para boa defesa de Ferrari.

Melhor também no segundo tempo, o Vitória era o time que criava mais oportunidades de gol, mas com poucas finalizações no alvo. Vagner Mancini promoveu a estreia na temporada de Rhayner, André Lima e Flávio, este último promovido ao profissional após a Copa São Paulo de Futebol Júnior.

No finzinho, Neílton, e, no mesmo lance, Flávio, quase ampliaram o marcador, mas o goleiro Ferrari esteve atento em jogada na grande área.

Seguro na partida, o Leão controlou o resultado e segue invicto e na liderança do estadual com 7 pontos ganhos em 9 possíveis. O próximo jogo rubro-negro será na quinta-feira (1º) contra o Ferroviário-CE, no Barradão, às 21h15, pela Copa do Nordeste.

Atlântico 1 x 2 Vitória – Campeonato Baiano

Local: Estádio Roberto Santos, Salvador (BA)

Data: 28/01/2018

Árbitragem: Marielson Alves Silva, auxiliado por Jucimar dos Santos Dias e Luanderson Lima dos Santos.

Gols: Jone Chulapa (Atlântico), aos 6 do 1T, Denílson (Vitória), aos 20 do 1T e Yago (Vitória), aos 25 do 1T.

Público total: 1.696

Atlântico: Ferrari; Michel Tiago, Uesles, Abdala e Vicente; Magno, Jean, Antônio Carlos (Igor) e Matheus (Ramon Barbosa); Vitinho e Jone Chulapa. Técnico: Ricardo Silva

Vitória: Fernando Miguel, Lucas, Kanu, Bruno e Bryan; Uillian Correia, Fillipe Soutto, Yago (Flávio) e Juninho (Rhayner); Neílton e Denílson (André Lima). Técnico: Vagner Mancini.

Fotos: Maurícia da Matta/EC Vitória

COMPARTILHAR