Ator é processado por ex-empregado

700
Foto: Reprodução Internet

o artista Bruno Gagliasso está sendo processado pelo ex-funcionário Ricardo Pedrosa Cruado, que cobra direitos trabalhistas do tempo em que esteve com o artista.

Segundo a colunista Fábia Oliveira, do jornal “O Dia”, o rapaz trabalhava como desenvolvedor em uma das empresas de Bruno. Ele havia sido contratado como Pessoa Jurídica e ganhava um salário de R$ 9 mil.

Entretanto, Ricardo quer ser reconhecido dentro do regime CLT e receber os valores referentes à rescisão, férias e décimo terceiro, como prevê a lei nesse tipo de caso. Gagliasso, porém, faltou à primeira audiência de conciliação.

Uma nova reunião vai ser marcada pela 48ª Vara do Trabalho, na cidade do Rio de Janeiro.

COMPARTILHAR