Brasileiro: Com falha da defesa e Bahia perde para o Ceará

89
Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Na quinta partida entre as duas equipes este ano, os cearenses ganharam quatro e houve um empate. O tabu vai para o 7º jogo sem o Bahia ganhar

Pelo Campeonato Brasileiro, o Ceará superou o Bahia por 2 a 0 na noite deste sábado, 5/12, pela 24ª rodada, na Fonte Nova, em Salvador

Com o resultado, a equipe de Guto Ferreira chegou aos 32 pontos, pulando para a 9ª colocação. Já o time de Mano Menezes, com o revés em casa, acabou estacionando na 13ª posição com seus 28 pontos.

Jogando em casa, a equipe do Bahia sabia da necessidade de não ceder espaços ao time do Ceará que, por sua vez, tentava pressionar a saída de bola do rival. Entretanto, logo nos primeiros minutos de jogo, a equipe de Mano foi pra cima e, por muito pouco, não conseguiu abrir a contagem com a bola passando por todos na área após cobrança de escanteio.

Passado o momento de pressão dois dois times, o confronto ficou mais travado. Com muito perde e ganha no meio-campo, a forte marcação dos dois lados fazia com que os goleiros praticamente não fossem exigidos, mantendo o marcador sem alterações em Salvador.

Na sequência, o Esquadrão, em uma das chegadas ao seu campo de ataque, mandou a bomba com Rodriguinho, com o goleiro Richard falhando na defesa, porém se recuperando no lance. O juiz Jean Pierre Gonçalves Lima até chegou a marcar o gol, porém o VAR confirmou que a bola não havia entrado.

Na reta final da etapa inicial, o goleiro Douglas, em um lance na área, sozinho, acabou sentindo a coxa. Com isso, Mano acabou tendo que substituir o camisa 1 para colocar em seu lugar Anderson.

Diferente como foi no início do primeiro tempo, a equipe do Ceará não queria saber de deixar a equipe da casa crescer no duelo. Com isso, até meados dos 15 minutos, Vina e companhia já tratavam de testar o goleiro Anderson, que conseguiu se sair bem nos lances.

Com muitas trocas feitas por Mano e Guto, o panorama do confronto pouco mudou, entre elas a entrada de Gilberto. Porém, mesmo com as chances aparecendo, foram poucos os lances que causaram perigo aos goleiros, com exceção a de Saulo que, sem marcação, acabou cabeceando para fora.

Gols

Quando tudo parecia encaminhar-se para um empate sem gols, aos 38, Vina tratou de tirar o zero do placar. Após Naressi encontrar o atacante em boas condições, o camisa 29 aproveitou a defesa desorganizada para fazer. 1 a 0.

Na sequência, com os acréscimos dado pelo árbitro, aos 49 minutos, Saulo fez mais um. Após receber sem marcação, mando pro fundo das redes de Anderson, fechando a conta em 2 a 0 na Itaipava Arena Forte Nova.

Ficha Técnica

Bahia 0 x 2 Ceará

Local: Itaipava Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Data e hora: 05/12/2020 – 19h (horário de Brasília)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (CBF-RS)

Assistentes: Leirson Peng Martins (CBF-RS) e Lucio Beiersdorf Flor (CBF-RS)

VAR: Wager Reway (CBF-PB)

Cartões amarelos: Vina e Tiago (CEA)

Gols: Vina (aos 36’/2ºT) e Saulo (aos 49’/2ºT) (CEA)

Bahia: Douglas (Anderson, aos 48’/1ºT); Nino Paraíba, Ernando, Juninho e Matheus Bahia; Edson (Elias, no intervalo), Gregore e Rodriguinho (Daniel, aos 15’/2ºT); Fessin (Rossi, aos 23’/2ºT), Alesson e Gabriel Novaes (Gilberto, aos 15/2ºT). Técnico: Mano Menezes.

Ceará: Richard; Samuel Xavier, Tiago Pagnussat, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho (Pedro Naressi, aos 25’/2ºT), Lima (Kelvyn, aos 39’/2ºT) e Vina (Wescley, aos 39’/2ºT); Fernando Sobral, Léo Chú (Saulo, aos 17’/2ºT) e Cléber (Leandro Carvalho, aos 25’/2ºT). Técnico: Guto Ferreira.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

COMPARTILHAR