Brasileiro: Corinthians e Bahia fazem jogo de opostos com volta do torcedor

210

Sem perder há nove partidas, time de Sylvinho contará com apoio do torcedor depois de um ano e sete meses

Com o apoio do torcedor na Arena Corinthians depois de um ano e sete meses, o Corinthians busca ampliar contra o Bahia nesta terça-feira, 5/10, às 21h30, a série invicta de nove jogos no Brasileiro. A equipe alvinegra será apoiada por até 15 mil corintianos, que foram liberados para ver o primeiro jogo com público na cidade de São Paulo desde março de 2020, com chance de entrar no G4 se ganhar. O Bahia não vence há 3 partidas, entrou na zona de rebaixamento e sai se empatar ou vencer.

Os estádios em São Paulo podem receber torcida com 30% da capacidade desde segunda-feira, por decisão do governo. A partir de 15 de outubro, o governador João Doria autorizou o limite de 50%. A partir de 1º de novembro, passará para 100%. Para entrar nos estádios, os torcedores têm de apresentar comprovante com esquema vacinal completo, ou seja, duas doses da vacina (de qualquer marca) ou dose única da Janssen. Quem não recebeu as duas doses, deverá ter sido imunizado com ao menos uma dose e apresentar um teste negativo com validade de 48h para os do tipo PCR ou 24h para os testes de antígeno.

“Expectativa grande de poder ter nosso torcedor ao nosso lado novamente. A gente espera fazer um grande jogo com o 12º jogador nos apoiando, isso vai ajudar muito nos jogos. Às vezes encontramos momentos de dificuldades, e tendo o torcedor nos incentivando e apoiando, ajuda muito. Espero que possa ser um dia especial com a volta deles, e que a gente possa dar de presente essa vitória”, disse Willian.

O último jogo do Corinthians com público em Itaquera aconteceu em 26 de fevereiro do ano passado, quando 17.401 mil pessoas assistiram ao empate em 1 a 1 com o Santo André, pelo Paulistão. De lá para cá, foram 47 partidas com portões fechados na Arena Corinthians, com 19 vitórias corintianas, 16 empates e 12 derrotas.

O time de Sylvinho vive boa fase e não perdeu desde que o quarteto de reforços foi colocado em campo, alcançando a sua melhor sequência no torneio em mais de dois anos. Nesse período, são cinco vitórias e quatro empates, o último deles conquistado na raça diante do Bragantino no último sábado.

“Os resultados trazem confiança. São equipes importantes e fortes. Fazia tempo que não ganhávamos o Dérbi, fizemos por merecer e um grande jogo. É um período de construção”, resumiu Sylvinho.

A equipe soma 34 pontos, na sexta posição e abre a rodada com o pensamento de entrar para o G4. Se vencer os baianos, subirá para o quarto lugar e depois terá de secar Bragantino e Fortaleza para permanecer no posto.

Giuliano, Renato Augusto, Roger Guedes e Willian têm muita responsabilidade nessa sequência positiva. Giuliano foi o único que participou de todos os duelos da série invicta. Renato Augusto vem logo atrás, tendo atuado em sete. Róger Guedes atuou em cinco, enquanto Willian jogou os últimos três.

Gabriel está à disposição após cumprir suspensão, mas não deve retomar a vaga entre os titulares. Na sua ausência, Cantillo aproveitou as oportunidades contra Palmeiras e Red Bull Bragantino, melhorou a qualidade no meio de campo e pode continuar no time. É provável, dessa maneira, que Sylvinho mantenha o esquema sem um volante marcador.

Primeiro time que integra a zona de rebaixamento, com 23 pontos, e sem vencer há três partidas, o Bahia quer a vitória para sair do grupo dos quatro piores e encerrar um jejum na Neo Química Arena. Os baianos nunca venceram o rival em Itaquera. São cinco derrotas e um empate até o momento.

O Bahia ganhou uns dias a mais de preparação para enfrentar o Corinthians depois que o jogo contra o Ceará, válido pela 23ª rodada, foi adiado para o dia 27 de outubro, pois o time baiano ainda não poderia ter o apoio dos seus torcedores na Arena Fonte Nova.

Mesmo com esse tempo a mais, o departamento médico não conseguiu recuperar alguns jogadores. Assim, o zagueiro Conti e os atacantes Rossi e Marcelo Cirino ficaram em Salvador tratando das suas lesões. A boa notícia é que a diretoria tricolor pagou os salários de agosto que estavam atrasados e estipulou um prazo para quitar o mês de setembro. Assim, os jogadores voltaram a falar com a imprensa.

Ficha Técnica

Corinthians x Bahia – Brasileiro 2021

Data: 5/10/2021

Hora: 21h30

Local: Arena Corinthians (SP)

Árbitro: Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL)

Corinthians: Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo, Giuliano, Renato Augusto, Gabriel Pereira e Willian; Róger Guedes. Técnico: Sylvinho.

Bahia: Mateus Claus; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Luiz Otávio e Juninho Capixaba; Edson, Lucas Mugni e Rodriguinho; Óscar Ruíz, Rodallega e Gilberto. Técnico: Diego Dabove.

COMPARTILHAR