Brasileiro:  Guarani e Vitória ficam no empate pela Série B

53

Com gols de Soares e Bidu, equipes somaram um ponto cada em jogo de abertura pela competição

Não faltou emoção na partida de estreia entre Guarani e Vitória, pelo Campeonato Brasileiro da Série B, na noite desta sexta-feira, 28/5, no Brinco de Ouro, em Campinas. Após sair perdendo, o Bugre, ainda no primeiro tempo, arrancou um empate diante do Leão, fechando o placar por 1 a 1.

Com cada equipe somando um ponto na classificação, ambas agora terão a chance de recuperar-se na próxima rodada. Por parte dos comandados de Daniel Paulista, o adversário será o Operário-PR, fora de casa, no dia 1º, já pelo lado dos comandados de Rodrigo Chagas, o rival será o Náutico, em casa, porém somente no dia 7.

Mesmo jogando fora de casa, a equipe do Vitória não quis saber de dar chances ao time do Guarani. Partiu pra cima do adversário e, aos 8 minutos, após receber bom passe de Samuel, Soares bateu colocado e mesmo o tapa na bola do goleiro Rafael Martins não foi o suficiente para evitar o tento. Leão 1 a 0.

Após o tento sofrido, o Bugre tentou manter a calma. Em algumas descidas ao seu campo de ataque passou a arriscar chutes de fora da área, como nas chances de Bruno Sávio, Davó e Andrigo, dando trabalho ao goleiro Ronaldo, que se mantinha atento.

Pelo lado da equipe visitante, foram poucos os lances de perigo. Somente aos 24 minutos é que Samuel, mesmo desequilibrado, exigiu uma boa defesa de Rafael, quase ampliando o placar no Brinco de Ouro.

Continuando em seu campo de ataque, os comandados de Daniel Paulista não davam um minuto de tranquilidade aos defensores rivais. Sendo assim, aproveitando-se de um erro da zaga, Júlio César viu Bidu livre e este só teve o trabalho de invadir a área e bater cruzado. Final do primeiro tempo e 1 a 1 no placar.

Mesmo com o empate parcial, nenhum dos dois treinadores recorreu aos seus suplentes visando mudar seu esquema tático. Sendo assim, até meados dos 15 minutos, apesar do Vitória ficar mais com a posse de bola, era o Guarani quem conseguia criar as melhores chances, porém todas sem sucesso.

Com o relógio correndo, finalmente os técnicos promoveram suas primeiras substituições. Porém, elas pouco modificaram a partida, já que os times seguiram atuando da mesma forma, com o Bugre quase marcando seu segundo tento por meio de Júlio César, mas a bola passou ao lado de Ronaldo.

Realizando suas últimas trocas, o Guarani partiu pra cima na expectativa do adversário. Após duas chances de Régis, Pedrinho acabou sendo expulso por parte do Leão quase próximo dos acréscimos, porém não foi o suficiente para que a Campinas conseguisse encontrar seu tento, dando a deixa para o árbitro encerrar o confronto com um empate.

Ficha Técnica

Guarani 1 x 1 Vitória – Série B do Brasileiro

Estádio: Brinco de Ouro, Campinas (SP)

Data: 28 de maio de 2021, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Rafael Carlos Salgueiro Lima (CBF-AL)

Assistentes: Maxwell Rocha Silva (CBF-AL) e Ruan Luiz de Barros Silva (CBF-AL)

Cartões amarelos: Thales (GUA) /Gabriel Bispo (VIT)

Cartões vermelhos: Pedrinho (VIT)

Gol: Soares, 8’/1ºT; Bidu, 28’/1ºT

Guarani: Rafael Martins; Pablo, Thales, Carlão e Bidu; Bruno Silva, Índio (Tony, aos 35’/2ºT) e Andrigo (Rafael Costa, aos 28’/2ºT); Bruno Sávio (Matheus Souza, aos 18’/2ºT), Júlio César (Renanzinho, aos 35’/2ºT), Davó (Régis, aos 28’/2ºT). Técnico: Daniel Paulista

Vitória: Ronaldo; Raul Prata, João Victor, Marcelo e Pedrinho; Gabriel Bispo, João Pedro (Fernando Neto, aos 36’/2ºT) e Soares (Bruno Oliveira, aos 24’/2ºT); David, Guilherme (Ygor Catatau, aos 32’/2ºT) e Samuel (Samuel Granada, aos 36’/2ºT). Técnico: Rodrigo Chagas.

COMPARTILHAR