Brasileiro: Importante também será domingo, diz Fernando Miguel

533
Foto: Assessoria EC Vitória

A virada histórica diante da Ponte Preta, domingo passado, quando o rubro-negro venceu o jogo por 3 x 2, após estar perdendo por 2 a 0, ainda repercute. Durante a reapresentação dos guerreiros rubro-negros na tarde desta terça-feira (28), o que não faltou foi comentário a respeito da vitória na “Batalha de Campinas“.

Um dos líderes do time, o goleiro Fernando Miguel compareceu à sala de imprensa Jornalista João Borges Bougê, no Estádio Manoel Barradas, para a coletiva e comentou: “Foi uma partida de superação, dentro daquilo que falei na semana passada, que iria ser uma partida carregada de tensão, que talvez os detalhes fossem definir a partida. E foi isso mesmo que aconteceu. Nossa equipe, mesmo perdendo de 2 a 0, manteve o nosso equilíbrio, teve a tranquilidade e a capacidade de aproveitar a superioridade numérica que nós tivemos”.

Fernando Miguel destacou a importância de o time não precisar de resultado dos outros concorrentes para permanecer na divisão de elite. Um triunfo diante do Flamengo domingo (3) no Barradão, às 16h, garantirá o rubro-negro no Brasileiro em 2018.

“A gente fica muito feliz de ter conseguido trazer esses três pontos para Salvador. Nos deixa numa situação fora da zona de rebaixamento e olhando somente para frente. Não temos que nos preocupar e torcer contra ninguém neste último jogo. Vamos para mais uma semana de muita concentração para que a gente possa fazer um grande jogo contra o Flamengo, junto com o nosso torcedor, para, de uma maneira definitiva, ficar tranquilo na Série A do Campeonato Brasileiro”, completou o goleiro.

Treinamento

A reapresentação transcorreu normalmente e Vagner Mancini conversou com o grupo antes dos trabalhos no campo 1 do CT Manoel Pontes Tanajura.

Os atletas foram divididos em grupos. Patric, Kanu, Wallace, Geferson, Yago, Carlos Eduardo e Santiago Tréllez ficaram sob o comando do preparador físico Lucas Itaberaba. Participaram de um regenerativo ativo, com treino de posse de bola em espaço reduzido e futevôlei. Já no vestiário, ocorreu o regenerativo passivo: crioterapia, massagem, hidromassagem e bota de compressão pneumática.

Os demais jogadores, incluindo Danilinho e André Lima, que entraram no decorrer do jogo, trabalharam com Mancini, que comandou um treino de posse de bola em campo reduzido.

Enquanto Lucas Penha, assistente da preparação física, cuidava do aquecimento, o preparador de goleiros Washington Rufino treinou Fernando Miguel, Gustavo, Caíque, Wallace e Ronaldo.

Com uma contusão muscular que sofreu no primeiro tempo em Campinas, o atacante David prosseguiu com o tratamento iniciado logo após o jogo, no hotel em Indaiatuba (SP).

Nesta quarta-feira, a programação estabelece treinamento às 9h no CT Manoel Pontes Tanajura.

COMPARTILHAR