Brasileiro: Vitória abre 2 de vantagem e cede empate ao Sampaio Corrêa

84
Foto: Pietro Carpi / EC Vitória

Em jogo morno, o Leão conseguiu abrir dois gols no primeiro tempo, mas a Bolívia Querida foi à luta na etapa complementar e conseguiu o empate nos acréscimos

No estádio Manoel Barradas, em Salvador, em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, na noite de 13/7, o Vitória aproveitou as duas chances que teve na primeira etapa e abriu dois a zero, mas não conseguiu aproveitar as chances para ampliar o marcador e cedeu o empate para o Sampaio Corrêa nos acréscimos. Placar final: 2 a 2. Os gols do Leão foram marcados por Dinei (pênalti) e David. A Bolívia Querida foi à luta e conseguiu com Ciel duas vezes (pênalti e falta) igualar o placar.

Na próxima rodada, o Sampaio Corrêa recebe o Coritiba, no Castelão, em São Luís, dia 16 de julho, às 21h30. No dia seguinte, o Vitória visita o time do Brasil de Pelotas, no Bento Freitas, às 11h.

O jogo

Os times ainda se estudavam quando aos 6 minutos a defesa do Sampaio Corrêa vacilou e acabou proporcionando ao Vitória a oportunidade do gol. Após lançamento, o goleiro Mota, da Bolívia Querida, atropelou David dentro da área e o árbitro não teve dúvida e marcou a penalidade máxima. Dinei bateu e fez: 1 a 0 Vitória.

Mesmo com a vantagem no placar e jogando em casa, o Vitória mostrou dificuldade para se impor na partida e mais ainda para ficar com a bola. O Sampaio Corrêa até era superior e buscou mais o gol, mas não conseguiu transformar esse domínio em oportunidades claras para empatar o jogo.

Como o Vitória tinha dificuldade no ataque, só mesmo uma bobeira da defesa do Sampaio Corrêa para o Leão voltar a ter uma chance para marcar. E isso aconteceu! A zaga do time maranhense dormiu, David avançou em velocidade e finalizou bem para ampliar: 2 a 0.

Segunda etapa

O cenário da etapa inicial continuou se repetindo no segundo tempo. A defesa do Sampaio Corrêa permaneceu vacilando e proporcionando chance para o Vitória ampliar ainda mais a vantagem. Mas Bruno Oliveira e David não aproveitaram as oportunidades.

Como o Vitória não aproveitou, o Sampaio Corrêa foi em busca de diminuir o prejuízo e obteve êxito. Após receber passe, Ciel acabou sendo derrubado dentro da área e árbitro marcou a penalidade. O próprio Ciel bateu e fez o gol para a Bolívia Querida: 1 a 2.

Com o jogo indo para o seu final, o Vitória se fechou na defesa para segurar o resultado. Mas o Sampaio Corrêa foi para o abafa no fim do jogo e já nos acréscimos conseguiu achar o gol de empate. Aos 47 minutos, em cobrança de falta, Ciel soltou uma bomba e conseguiu igualar o placar no apagar das luzes: 2 a 2.

Ficha Técnica

Vitória 2 x 2 Sampaio Corrêa – Brasileiro Série B

Estádio: Manoel Barradas, em Salvador (BA)

Data: 13 de julho de 2021, às 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Rodrigo José Pereira de Lima (PE)

Assistentes: Ricardo Bezerra Chianca (PE) e Francisco Xavier Bezerra Júnior (PE)

Cartões amarelos: Thalisson Kelven, Wallace Reis, Marcelo Alves, João Pedro, Gabriel Bispo e Dinei (VIT), Mota, Ferreira e Pimentinha (SAM)

Gols: Dinei, 08’/1ºT (VIT), David, 30’/1ºT (VIT), Ciel, aos 17′ e 47’/2ºT (SAM).

Vitória: Ronaldo; Cedric, Thalisson Kelven, Wallace Reis (Marcelo Alves, aos 09’/2ºT) e Pedrinho; João Pedro (Eduardo, aos 34’/2ºT), Gabriel Bispo, Fernando Neto e Bruno Oliveira (Soares, aos 19’/2ºT); David (Roberto, aos 34’/2ºT) e Dinei (Eron, aos 34’/2ºT). Técnico: Ramon Menezes.

Sampaio Corrêa: Mota; Luis Gustavo (Watson, aos 29’/2ºT), Paulo Sérgio, Nilson Júnior e Zé Mário (Felipinho, aos 29’/2ºT); Ferreira (Jefinho, aos 41’/2ºT), Mauro Silva e Eloir (Romarinho, aos 17’/1ºT); Pimentinha, Ciel e Jean Silva (Roney, aos 29’/2ºT). Técnico: Felipe Surian.

COMPARTILHAR