Candeias: Caixa explica a beneficiários atraso na entrega das chaves do Minha Casa

1337

Intrigados com boatos na cidade e preocupados com o que consideram atraso na entrega das 380 moradias do Conjunto Minha Casa, Minha Vida no bairro da Areia, em Candeias, na Região Metropolitana a 46 km de Salvador, um grupo de beneficiários esteve na manhã desta segunda-feira, 26, na Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedas) para pedir explicações sobre a situação e pediram uma posição da Prefeitura.

Os onze representantes dos beneficiários foram recebidos pela secretária Joelma Aneide que deu os esclarecimentos, sugeriu aos mesmos uma reunião com a Caixa Econômica Federal, em Salvador, e depois de contato com a superintendência da Caixa foi agendada para a tarde de hoje.

A secretária esclareceu de imediato que não é de responsabilidade da Prefeitura de Candeias a marcação da data da entrega dessas chaves – essa parte cabe a Caixa –, e que o que é de responsabilidade do poder municipal estava resolvido. “O mais é boato e especulação”, acrescentou Joelma.

Por sugestão da secretária, os representantes indicaram uma comissão de mutuários formada por Evelin Suelen Santos da Silva, Maria Gilvânia Alves dos Santos e Jeferson Gonçalves dos Santos que foram recebidos pelo gerente regional Ricardo Lara Medrado.

Ele explicou que uma ação judicial entre a Caixa e a Construtora Atrium Construções e Empreendimentos Ltda., por uma questão de valores na execução da obra, é responsável pelo atraso na entrega das chaves. Resolvida essa parte, as chaves serão entregues.

A ação corre na 4ª Vara Federal Cível na Bahia.

COMPARTILHAR