Cardim recebe convite do PDT, mas recusa: “meu partido se chama João Leão”

21
Mauro Cardim recusa PDT porque é João leão

O deputado estadual e vice-presidente do PDT na Bahia, Roberto Carlos, convidou, nesta última quarta-feira, 30/10, o presidente do Instituto Metropolitano de Desenvolvimento Social e Inovação e pré-candidato à prefeitura de Lauro de Freitas, Mauro Cardim (PP), para retornar ao partido. “Quero convidá-lo para voltar ao nosso partido, se ele aceitar o receberemos com tapete vermelho e com flores sem espinhos. Pois ele é um grande guerreiro, trabalhador. Sentiremos muita honra em recebe-lo de volta”, disse o parlamentar.

Cardim, que já foi presidente do PDT em Lauro, agradeceu o convite, mas recusou. “Fico muito lisonjeado e queremos muito o PDT como parceiro na nossa pré-candidatura em Lauro de Freitas. Podemos conversar com João Leão sobre uma possível vaga de vice em Lauro de Freitas para o PDT. Mas o meu partido chama-se João Leão [vice-governador e presidente estadual do PP]”, afirmou, ressaltando, porém, que “vê com bons olhos uma pré-candidatura de Ciro Gomes [vice-presidente nacional do PDT] em 2022”.

A direção do PDT em níveis federal e estadual vem mantendo conversas com uma série de políticos de outros partidos na Bahia. Como, por exemplo, o prefeito ACM Neto (presidente nacional do DEM) e o atual secretário municipal de saúde e deputado estadual licenciado, Léo Prates (DEM), além do presidente do Esporte Clube Bahia, Guilherme Bellintani – que é um dos possíveis pré-candidatos a prefeito de Salvador.

COMPARTILHAR