Copa do Nordeste: Vitória apenas empata com reservas do CRB

127

Pela quinta rodada da Copa do Nordeste, Vitória e CRB empataram em 1 a 1, na noite de quarta-feira, 24/3, no Estádio Manoel Barradas, e com o resultado, a equipe alagoana assume a liderança do Grupo A, enquanto o time baiano perdeu a chance de alcançar a primeira colocação do Grupo B.

A partida foi movimentada desde o início, mas todos os gols foram marcados no segundo tempo. Aos 26 minutos, o zagueiro Gum, ex-Fluminense, aproveitou a cobrança de escanteio fechada para completar na segunda trave e abrir o placar para o CRB. Seis minutos depois, o atacante Samuel deixou tudo igual cobrando pênalti.

O Alvirrubro entrou em campo com uma equipe alternativa. Como visita o Goianésia pela primeira fase da Copa do Brasil no sábado, o técnico Roberto Fernandes resolveu poupar a maioria dos titulares. Mesmo assim, o CRB garantiu o empate e vai dormir na primeira posição do Grupo A da Copa do Nordeste, com oito pontos.

Já o Rubro-Negro perdeu a chance de subir para o topo do Grupo B. Com oito pontos, o Vitória está na quarta colocação. O atual líder é o CSA, com nove pontos conquistados.

O próximo jogo do Vitória será mais uma vez pelo Nordeste. No sábado o time vai até a cidade de Lagarto, em Sergipe, onde enfrenta o Confiança, no Estádio Paulo Barreto, o Barretão.

Ficha Técnica

Vitória 1 x 1 CRB

Local: Estádio Manoel Barradas (Barradão), em Salvador, às 19h30

Árbitro: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro

Assistentes: Lorival Cândido das Flores e Francisco Assis da Hora (Trio do RN)

Cartão Amarelo: Ruan Nascimento, Pedrinho e Marcelo Alves (Vitória) ; Calyson, Régis, Luca Caio e Gum (CRB)

Gols: Gum, aos 26, e Samuel, aos 32 minutos do segundo tempo

Vitória: Lucas Arcanjo; Raul Prata (Cedric), Marcelo, Wallace e Pedrinho; Gabriel Bispo, Guilherme Rend (João Pedro) e Ruan Nascimento (Walter); Vico (Ygor Catatau), David e Samuel. Técnico: Rodrigo Chagas.

CRB: Diogo Silva; Luca Caio (Reginaldo), Ewerton Páscoa, Diego Ivo (Gum) e Guilherme Romão; Jiménez, Olívio (Carlos Jatobá) e Dudu; Calyson, Lucão do Break (Hyuri) e Régis (Luidy). Técnico: Roberto Fernandes.

COMPARTILHAR