Ex-jogador ganha R$ 900 mil em ação contra o Bahia

358

O jogador norte-americano Freddy Adu ganhou R$ 900 mil do Bahia em uma ação trabalhista, segundo fontes do departamento jurídico do clube informaram na quarta-feira (15/3). O atleta chegou ao Fazendão na gestão do então presidente Marcelo Guimarães Filho, em 2013, com o status de “Novo Pelé”.

O “atleta”, porém, não se confirmou em campo a “pseudo-fama”.

O jogador, envolvido em uma negociação com o meio-campo Kleberson quando foi contratado, atuou em apenas 130 minutos pelo tricolor. Nos processos contra o clube, Freddy informou que o Bahia deixou de pagar salário e FGTS antes do término do contrato.

Segundo o site especializado em esportes ESPN, os R$ 900 mil foram relativos à falta de pagamento de três meses de salários; 13º; Férias; FGTS e outras multas dos artigos 467 e 477.

COMPARTILHAR