Homicida morre ao reagir a ação policial na Bahia

493

A morte com requintes de crueldade que chocou moradores de Mutuípe, no Centro Sul baiano a 249 km de Salvador, teve o principal suspeito localizado nesta sexta-feira (23), em uma fazenda da zona rural do município. Rafael Jesus dos Santos, 29 anos, foi encontrado, durante operação conjunta, por policiais das Companhia Independente de Policiamento Especializado Litoral Norte e Delegacias Territoriais de Mutuípe e Jiquiriçá, unidades que também investigavam o acusado pelo crime de tráfico de drogas.

De acordo com o comandante da Cipe/Litoral Norte, major Cis de Paula Bahiense, Rafael e outros comparsas reagiram à prisão com a chegada das equipes. “Parte do grupo conseguiu fugir, mas ele foi atingido e não resistiu”, contou. No local foram encontradas drogas, um revólver calibre 38 e materiais para acondicionar entorpecentes.

A titular da DT de Mutuípe, delegada Ívia Vidal, afirmou que Galego, como também era conhecido, é o principal suspeito de matar, em meados deste mês, Jiovani Queiroz Silva Santos. “O estado em que a vítima foi encontrada foi de chocar qualquer um. Os requintes de crueldade utilizados foram grotescos e incluíram mutilação de vários órgãos”, lembra a delegada. Rafael também respondia a processos por tráfico de drogas, provenientes de investigações nas DTs de Mutuípe e Jiquiriça.

Cruz das Almas

A 98 quilômetros de Mutuípe, outro ponto de venda de drogas foi encontrado, durante ação do 1º Pelotão Tático Operacional (PETO) da 27ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Cruz da Almas), Rondas Especiais (Rondesp) Leste e da Companhia Independente de Policiamento Especializado Litoral Norte. Eles apreenderam na manhã desta sexta-feira (23), armas, cadernos com anotações do tráfico e rádios comunicadores em uma casa, no bairro do Areal.

Entre os materiais ilícitos encontrados estão 330 trouxas de maconha, 199 pinos de cocaína, dois sacos de crack, um rádio e três carregadores e cinco cadernos com anotações do tráfico. Tudo apresentado na Delegacia Territorial do município.

Fonte: Ascom SSP / BA

COMPARTILHAR