IPTU: Município de Salvador executa prefeito Zé Filho por não pagar imposto

849

O prefeito da cidade de Riachão do Jacuípe, na Bacia do Jacuípe a 186 km de Salvador, José Ramiro Ferreira Filho, conhecido por Zé Filho, eleito pelo PSD, está sendo executado pelo Prefeitura de Salvador pelo não pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e Taxa de Coleta de Lixo  em ação que tramita na 1ª Vara da Fazenda Pública desde setembro de 2017.

O processo n° 0763290-37.2017.8.05.0001 tem valor de R$ 5.125,97 e também se refere a Taxa de Coleta de Lixo.

Zé Filho é empresário e, segundo a declaração de bens apresentada por todo candidato a cargo eletivo em governos municipal, estadual ou federal, tinha um patrimônio avaliado em 2016 em R$ 2.126.527,46 (dois milhões, cento e vinte seis mil reais), onde não consta nenhum terreno nem imóvel em Salvador (dados estão disponíveis ao público pelo site do TSE).

A situação da cobrança judicial é dos assuntos mais comentados na cidade e região por meio das redes sociais como Whats’App, Facebook e Instagram, mas ninguém fala abertamente temendo reações de aliados do empresário e prefeito.

 

COMPARTILHAR