Morre o jornalista Marcelo Resende

786

Jornalista foi diagnosticado com câncer no pâncreas e no fígado em maio deste ano

Morreu neste sábado (15), aos 65 anos, o jornalista Marcelo Rezende, comandante do Cidade Alerta, noticiário policial na Rede Record. Ele faleceu em decorrência de falência múltipla de órgãos. Estava internado no Hospital Moriah desde terça (12) devido a uma pneumonia.

O apresentador tratava um câncer no pâncreas e no fígado, descoberto em maio deste ano. Em busca da cura, havia dispensado a medicina tradicional e apostado em procedimentos alternativos.

Nascido no Rio de Janeiro, Rezende iniciou a carreira jornalística nos anos 70 e esteve à frente de diversos programas, entre eles Linha Direta, da Globo, e Repórter Cidadão, da Rede TV!, além de criar e apresentar o Tribunal na TV, na Band. Na Record, apresentou o quadro A Grande Reportagem, do Domingo Espetacular, e o Repórter Record.

Foi diagnosticado com câncer em maio, após passar mal na Record. Em entrevista ao programa Domingo Espetacular, gravada em sua casa, em Santana do Parnaíba, disse não temer a morte. “O homem que tem fé não tem medo. Ele sabe que irá vencer”, afirmou na época.

COMPARTILHAR