Plano de vacinação contra covid-19 é apresentado pelo governo

180
Foto: Marcello Casal Jr / EBC

O Governo Federal apresentou, há pouco, o Plano Nacional de Operacionalização da Vacina contra a covid-19, em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília. O plano prevê quatro grupos prioritários que somam 50 milhões de pessoas, que receberão duas doses em um intervalo de 14 dias entre a primeira e a segunda injeção. Serão necessárias 108,3 milhões de doses de vacina, já incluindo 5% de perdas.

A prioridade será para trabalhadores da saúde, idosos, pessoas com doenças crônicas (hipertensão de difícil controle, diabetes mellitus, doença pulmonar obstrutiva crônica, doença renal, entre outras), professores, forças de segurança e salvamento e funcionários do sistema prisional.

Segundo o plano, o governo federal já garantiu 300 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 por meio de acordos. Até agora, nenhum imunizante está registrado e licenciado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), etapa prévia obrigatória para que a vacinação possa ser realizada.

NR.: Será que o STF agora vai exigir que o governo comece a imunizar os cidadãos sem a vacina? O Brasil tem o maior esquema de vacinação do mundo. Somente o STF não sabia.

Fonte: Agência Brasil

COMPARTILHAR