RH do Estado faz desconto a mais e não repara erro

648

Mudança feita há pouco mais de 3 meses tem causado uma série de transtornos aos funcionários ativos, aposentados e pensionistas

Desconto com duplicidade realizado há mais de um mês nos contracheques tem causado sérios transtornos financeiros aos funcionários efetivos, aposentados e pensionistas, e o ressarcimento não é feito no mês seguinte como deveria.

Os problemas se agravaram a partir da mudança realizado pelo Governo do Estado sob a alegação de que era para melhorar o serviço, mas não foi o que aconteceu nos últimos meses.

O novo serviço passou a ter o nome de RH Bahia (https://rhbahia.ba.gov.br), porém não houve nenhuma melhora. Em alguns casos, o pedido de ressarcimento hiberna para a fria análise na sala da coordenação da Suprev (Superintendência de Previdência) do Governo da Bahia.

Quem tem um desconto duplicado em um mês mesmo reparado no mês seguinte ainda assim causa grave perda do poder aquisitivo.

Há casos em que os erros representam até 35% (trinta e cinco por cento) do vencimento do funcionário, aposentado ou pensionista.

Solicitações têm mais de um mês de feita para a reparação.

Linha do governo Rui

Prejuízos financeiros a servidores efetivos no governo Rui Costa (PT) vem sendo adotada há quase 4 anos, última vez que que os servidores não tiveram reajuste provocando uma perda salarial em torno de 18% (dezoito por cento) com base apenas na inflação.

Ouvidoria

Alguns casos serão levados â Ouvidoria Geral do Estado para agilização de processos de ressarcimento quando for o caso. A ouvidoria atende pelo telefone 0800-284-0011.