Salvador: Coelba descobre 7 gatos de energia em comércios

186
Foto Ilustrativa

A Coelba realizou uma grande operação de fiscalização de ligações clandestinas no bairro de Brotas, no fim de semana. As equipes da concessionária percorrem as localidades de Matatu, Luís Anselmo e Vila Laura. Os técnicos realizaram 87 inspeções e encontraram sete irregularidades em grandes comércios da região, entre eles uma farmácia e um laboratório de análises clínicas.

As ligações estavam desviando energia através do medidor, o que é considerado fraude para que o consumo real não seja registrado.  Os proprietários foram autuados e as ligações desativadas.

O furto de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal Brasileiro e a pena para o responsável pela fraude pode chegar a 8 (oito) anos de reclusão.

Além de crime, o “gato” de energia representa risco de morte a quem faz e a quem está próximo. A ligação clandestina também causa perturbações no fornecimento de energia da região e pode provocar a queima de eletrodomésticos dos vizinhos.

Como denunciar

Para reduzir os riscos e o furto de energia, a Coelba mantém um programa constante de inspeções. A empresa tem canais de denúncia para casos de fraudes e furtos, por meio dos quais é possível passar as informações anonimamente, como o telefone 116 ou o site www.coelba.com.br

Sobre a Coelba

A Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), empresa da Neoenergia, é a terceira maior distribuidora de energia elétrica do país em número de clientes e a sexta em volume de energia fornecida, sendo a maior do Norte-Nordeste. Presente em 415 dos 417 municípios baianos, a Coelba tem uma área de concessão de 563 mil quilômetros quadrados, com mais de 6 milhões de clientes (mais de 15 milhões de habitantes).

Fonte: Ascom Coelba

COMPARTILHAR