Santo Amaro: Ex-prefeito se entrega à Polícia

601
Ricardo Machado, do PT, ex-prefeito de Santo Amaro

A detenção de Ricardo Machado (PT) é temporária, mas pode ser convertida em preventiva, a depender do entendimento do Tribunal de Justiça.

O ex-prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado (PT), foi preso a terça-feira (19). Ele é acusado na Operação Adsumus, do Ministério Público (MP-BA), de integrar uma quadrilha que fraudou licitações e contratos entre os anos de 2012 e 2016 desviando R$ 40 milhões. A detenção é temporária, por cinco dias, mas pode ser convertida em preventiva (com prazo indefinido), a depender do entendimento do Tribunal de Justiça.

O petista se entregou na 20ª Companhia Independente da Polícia Militar, com sede na cidade do Recôncavo baiano a 79 km de Salvador, e encaminhado à carceragem do Departamento de Polícia do Interior (Depin), onde ficará à disposição do Judiciário.

COMPARTILHAR