Três cidades baianas têm reconhecida a situação de emergência

85
Foto Ilustrativa: Marion Wunder/Pixabay

Municípios estão localizados nos estados do Amazonas, Pará, Santa Catarina, Bahia, Pernambuco e Rio Grande do Norte

A Defesa Civil Nacional reconheceu na quinta-feira, 27/5, em portaria publicada no DOU (Diário Oficial da União), a situação de emergência em 14 cidades brasileiras por conta de desastres naturais.

Na Região Norte, o motivo foram as inundações causadas pelas cheias dos rios. Três cidades obtiveram o reconhecimento federal: Careiro da Várzea e Manacapuru, no Amazonas, e Santarém, no Pará.

Já no Sul, os reconhecimentos federais tiveram como causa a estiagem. Estão nessa situação quatro cidades de Santa Catarina: São José do Cedro, São Miguel da Boavista, Saltinho e Tigrinhos.

A estiagem também foi a causa do reconhecimento de situação de emergência em seis cidades do Nordeste. São elas: Ibotirama, Ilhéus e Teofilândia, na Bahia, e Caicó, Itaú e Santa Maria, no Rio Grande do Norte. Por outro lado, na cidade pernambucana de Garanhuns, o reconhecimento federal teve como motivo as chuvas intensas.

Após a publicação do reconhecimento federal por meio de portaria no DOU, o estado ou município pode solicitar recursos para restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados pelo desastre. Com base nas informações enviadas por meio do SIID (Sistema Integrado de Informações sobre Desastres), a equipe técnica da Sedec avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com a especificação do valor a ser liberado.

Fonte: gov.br

COMPARTILHAR