Dia na História 24/8:

268

Dia de São Bartolomeu / da Infância / dos Artistas /

455 – Os vândalos, liderados pelo rei Genserico, começam a saquear Roma. O Papa Leão I pede a Genserico que não destrua a cidade antiga nem mate os cidadãos. Ele concorda e os portões de Roma são abertos. No entanto, os vândalos roubam uma grande quantidade de tesouros;

1882 – Morre aos 52 anos Luís Gama, baiano, foi um rábula, orador, jornalista, escritor brasileiro e o Patrono da Abolição da Escravidão do Brasil.

1891 – Edson obtém a patente da primeira câmera cinematográfica;

1899 – Jorge Luís Borges, escritor argentino, que morreu 1986.

1954 – Morre Getúlio Dornelles Vargas, que presidiu o Brasil durante dois períodos: entre 1930 e 1945 (do Governo Provisório ao Estado Novo) e, após eleições diretas, entre 1951 e 1954, quando, no dia 25 de agosto, suicidou-se com um tiro no coração, no quarto, no Palácio do Catete, na cidade do Rio de Janeiro, então capital federal.

O incidente foi consequência da crise política que se instalou no governo após o atentado ao jornalista Carlos Lacerda, opositor político, que feriu Lacerda e matou um major da FAB que fazia a segurança. O clima tornou-se insustentável quando Gregório Fortunato, chefe da guarda pessoal de Getúlio, declarou-se responsável pelo atentado, gerando uma onda de protestos exigindo a renúncia do presidente;

1981 – Mark Chapman é condenado a 20 anos de prisão por assassinar John Lennon.

COMPARTILHAR